Danilo Tenório dos Santos, um egresso da AJES que voltou para casa para exercer a Advocacia

Ele iniciou seus estudos na AJES no ano de 2012 e, desde então, sua visão de mundo e de futuro começou a mudar.

A AJES sempre se destacou por formar profissionais com excelência, com aptidões para desenvolverem suas atividades em diversas áreas e situações, por isso é que sempre encontram boas colocações no mercado de trabalho. Independente de qual seja a formação,os egressos dos Cursos da AJES, de bacharelado ou de licenciatura, estão felizes, sentindo-se recompensados em suas atividades profissionais.

Um exemplo bem específico do que se afirmou tem-se com o jovem ex-acadêmico, Danilo Tenório dos Santos, egresso do Curso de Direito, que, atualmente, exerce a advocacia no município mato-grossense de Novo Horizonte do Norte.

Ele iniciou seus estudos na AJES no ano de 2012 e, desde então, sua visão de mundo e de futuro começou a mudar. Diz ele: “No Curso, tive o prazer tanto de estagiar quanto de trabalhar na AJES. Também participei da Comissão Própria de Avaliação (CPA), eleito como representante discente, e como representante administrativo, representando os funcionários”.

E sobre essas experiências, ele afirma: “Participar da CPA me proporcionou uma experiência de vida muito importante, já que pude entender as nuances da autorização e do reconhecimento de um Curso Superior pelo Ministério da Educação. Ainda na Faculdade, como funcionário e acadêmico, pude estagiar e trabalhar no Núcleo de Práticas Jurídicas (NPJ), onde vivenciei a importância das atividades lá desenvolvidas para a sociedade juinense, pois muitas pessoas sem condições econômicas para arcar com os custos dos honorários de advogados lá encontram guarida para reivindicar seus direitos ofendidos pela Administração Pública ou por particulares”.

Danilo obteve a aprovação no Exame de Ordem no primeiro semestre de 2017, concluindo o objetivo primário de qualquer bacharel em Direito, uma vez só após a aprovação nesse Exame realizado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) é que a pessoa está apta a exercer a profissão de advogado.

“A aprovação no Exame da OAB não é fácil, mas posso dizer que, com a qualidade de ensino que a AJES proporciona, a aprovação é quase certa, o resultado positivo é bem mais fácil. No entanto, tem de haver a contrapartida do aluno, em se interessar pelo que os professores ensinam em sala de aula, pois na OAB tudo o que se aprende na Faculdade, de uma forma ou de outra, acaba sendo utilizado”, explicou.

Ele ainda destaca que sua vida passou a ter um divisor de águas após a formatura, mas não foi fácil chegar até ali. Danilo lembra que todo estudante de ensino médio se depara com muitos dilemas na vida, entre eles: Qual profissão exercer e que faculdade escolher?

“Eu escolhi o Curso de Bacharelado em Direito e, posteriormente, a AJES, em Juína, apenas por ser mais perto da minha cidade natal - Novo horizonte do Norte. Porém, com o decorrer do tempo, fui percebendo que havia na AJES uma preocupação constante com a qualidade do ensino, e assim pude me apegar à Faculdade não só por ser perto da minha cidade, mas porque sabia que estava em boas mãos e que o nível de conhecimento que eu poderia receber me deixaria apto a concorrer em situação de igualdade com os formados em outras instituições do Brasil”.

Após se formar e ser aprovado na OAB, ele realizou seu sonho de exercer a profissão de advogado na sua cidade natal. Atualmente, lápossui um escritório de advocacia: “Uma profissão que a cada dia estou gostando mais”, finalizou.

Danilo Tenório dos Santos é exemplo e fruto da Faculdade AJES, atualmente considerada a melhor instituição de ensino superior de Mato Grosso.